fbpx

Paizinho Indica:

Agricola Family Edition

Lookout Games

+ 8 anos (editora)

+ 8 anos (minha opinião)

45 minutos

1-4 JOGADORES

Competitivo

+ 8 anos

45 minutos

1-4 jogadores

Competitivo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter

Gostou?

Compre o jogo de uma loja parceira! É rápido, seguro e você ainda apoia o meu trabalho!

Eu poderia me limitar a dizer nesse review que um jogo com meeples de madeira de ovelhas, vacas, javalis (e muito mais) é o suficiente para conquistar o meu coração, mas eu vou dizer mais pra vocês, tá?

Eu nunca imaginei que eu curtiria jogos de fazenda, mas estou aqui pra morder a língua e falar de um clássico, mas em uma versão simplificada: Agricola Family Edition é o jogo perfeito para introduzir a crianças de 8 anos em jogos de estratégia e gerenciamento de recursos. Não apenas para os pequenos, mas também para adultos ainda não iniciados nos jogos mais pesados, como o próprio Agricola (o pai de todos).

Apesar de o Agricola ter um “modo família” em suas regras, o Agricola Family Edition tem mais algumas simplificações, que eu acho excelente, e permitem que a experiência seja divertida para todo mundo. Nele, você é uma família de fazendeiros que precisa cultivar grãos ou criar animais para, no final do jogo pontuar de acordo com o quanto você conseguiu avançar.

Ao longo das rodadas, você poderá fazer colheitas dos seus campos, seus animais vão se reproduzir, mas cuidado porque você precisará alimentar os membros da sua família. E se você não se preocupar com isso, perderá muitos pontos de vitória no fim do jogo (afinal, ninguém gosta de passar fome).

Em comparação com o tradicional Agricola, o jogo Family Edition tem uma forma mais simples de pontuar, há menos restrições nas construções e ainda menos tipos de recursos (pedra e vegetais). Eu tenho o Agricola e devo dizer que essa versão é essencial para não assustar novos públicos e digo mais: mesmo uma versão considerada mais simples, é um jogo que ainda faz você queimar os neurônios no planejamento da sua fazenda.

O único problema é que esse jogo nunca foi lançado no Brasil, mas você eventualmente encontra uma cópia dele por aí. O jogo em si não depende da linguagem, porque nenhuma peça do jogo tem texto escrito, apenas símbolos e números.

Veja esses jogos também!

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Thiago Queiroz

Thiago Queiroz

Pai de quatro, escritor, educador parental, criador do site e canal no YouTube Paizinho Vírgula!, host dos podcasts Tricô de Pais e Vai Passar, autor dos livros "Abrace seu Filho" e "A Armadura de Bertô", e participou do documentário internacional "Dads".

QUER MAIS CONTEÚDO?

assine agora e receba o melhor sobre relacionamentos e infância, de graça!