fbpx

Paizinho Indica:

Azul

Galápagos Jogos

+ 8 anos (editora)

+ 8 anos (minha opinião)

30 minutos

2-4 JOGADORES

Competitivo

+ 8 anos

30 minutos

2-4 jogadores

Competitivo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter

Gostou?

Compre o jogo de uma loja parceira! É rápido, seguro e você ainda apoia o meu trabalho!

Olha, eu preciso admitir que eu nunca dei muita bola para o Azul. Sempre ficava por último na minha lista de prioridades para comprar. Claro, ele é um jogo lindo, mas eu nunca achei que pudesse ser divertido e render boas jogatinas, mas…

MINHA NOSSA! COMO EU TAVA ERRADO!

Azul é um jogo lindo, com uma mecânica que funciona perfeitamente para 2 pessoas também, e que rapidamente conquistou o meu coração e o da Anne. Sabe quando você tá meio cansado, não consegue pegar um jogo mais pesado, mas quer só dar uma aliviada na cabeça? Azul é a escolha perfeita.

Desde que chegou aqui, semana passada, eu e Anne já jogamos muitas vezes! Deu uma folguinha? Pega o Azul! E o único arrependimento que bate aqui foi de não ter dado uma chance antes para esse jogo lindo.

Em Azul, nós somos artesãos de azulejos que precisamos decorar as paredes de um palácio em Portugal. A ideia é que você precisa preencher os padrões do seu tabuleiro individual usando os azulejos que são sorteados e colocados nos disquinhos do centro da mesa, representando as fábricas de azulejos.

A grande sacada é que você só pode pegar todos os azulejos de um mesmo tipo de cada fábrica. O restante vai para o refugo, no meio da mesa, entre os disquinhos. Ah, e você também pode pegar azulejos do centro da mesa também, mas usando essa regra de pegar todos os azulejos iguais de um mesmo tipo.

Com esses azulejos, você começa a montar sua parede no tabuleiro individual e dependendo do que você monta, você ganha pontos de vitória. Mas se você pegar mais azulejos que o necessário, eles vão para o chão e você perde pontos também!

Um jogo de regras bem simples, mas que dá para aprofundar bastante na estratégia. Eu já falei que a gente adorou?

E mesmo que a idade mínima na caixa seja de 8 anos, a gente decidiu ainda não apresentar para o Dante. Por enquanto, é um jogo do papai e da mamãe!

Veja esses jogos também!

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Thiago Queiroz

Thiago Queiroz

Sou pai do Dante, Gael e Maya, e crio conteúdos para ajudar famílias a criarem seus filhos com afeto, empatia e sem violência. Sou líder certificado de grupo de apoio pela Attachment Parenting International, e também educador parental certificado pela Positive Discipline Association.

Assine a Newsletter!

Não perca o melhor do Paizinho no seu email. De graça!

Baixe agora o app do Paizinho, Vírgula!

É grátis! Tenha acesso a todos os meus conteúdos na sua mão e outros conteúdos exclusivos que só sairão no app